07/08/2011

Algumas piadas

BICHO DE PÉ
Um renomado  pesquisador da UFMG, professor titular da Sociologia, fez um levantamento, em toda  Minas Gerais, para saber  qual seria o objeto de desejo do homem mineiro... Em todos os rincões das Gerais, os homens respondiam de bate pronto: 
- Dinheiro e mulher. 
Não dava outra, a resposta era sempre a mesma. Quase ao final da pesquisa, ele encontrou em Guaxupé, um mineirinho de uns setenta anos, franzino, sentado de cócoras no ponto de ônibus, na beira da estrada, pitando um cigarrim de palha. 
- Bom dia! 
O mineirinho deu uma tragada, cuspiu de lado e, sem olhar,  respondeu: 
- Diiia, sô! 
- Estou fazendo uma pesquisa para saber quais as coisas que o homem mineiro mais gosta... O senhor pode me responder quais são as coisas do seu agrado? O mineirim deu mais uma pitada, mais uma cuspida de banda e disse: 
- Uai, sô! As cois qui eu mais apreceio é 'o dinheiru, as muié e... o bicho di pé!'.
 O pesquisador, estranhando a inclusão do item "bicho de pé" na resposta, perguntou:
 - Olha, todos respondem "dinheiro e mulher". Mas, e o bicho de pé? 
Mais uma pitada e mais uma cuspida, o mineirinho retruca: 
- Uai, sô! Pra que qui serve nóis tê dinheiru e muié, se o "bicho" num fica di pé?? 


A BICHA EVANGÉLICA
O Gay, recém convertido, está indo para a Igreja, nariz todo empinado, com a Bíblia debaixo do braço... Nisso, passa um caminhão cheio de homens, que gritam:
- Viaaaaado!!! Queima Roooooosca!!! Boiola!!!!
De repente, o caminhão perde a direção, bate num poste e explode. Morre todo mundo!!! O Gay pára, olha para o caminhão pegando fogo, solta a Bíblia no chão, coloca as mãos na cintura e diz:
- Jesus... Você AR - RA - SSOUUU!!!


JUDEU MODERNO FALANDO COM DEUS
Judeu no celular pergunta: É Deus?
Deus responde: Sim!
Judeu: Eu posso perguntar algo?
Deus: Claro, meu filho ! 
Judeu: O que é um milhão de anos para você? 
Deus: 1 segundo. 
Judeu: E 1 milhão de dólares? 
Deus: 1 centavo. 
Judeu: Deus, você pode me dar 1 centavo? 
Deus: Espere 1 segundo.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário